Cristine Rochol/PMPA
SMS
Porto Alegre, RS, 28/06/2022. Serviço de cirurgia da pelve (quadril) do Hospital de Pronto Socorro (HPS). Com a constituição da equipe há dois anos o tempo médio de internação, que era entre 20 a 45 dias, passou para cinco dias. Na foto a equipe do médico cirurgião, Leonardo Comerlatto, durante o procedimento no bloco cirúrgico. Foto: Cristine Rochol/PMPA
Cristine Rochol/PMPA
SMS
Porto Alegre, RS, 28/06/2022. Serviço de cirurgia da pelve (quadril) do Hospital de Pronto Socorro (HPS). Com a constituição da equipe há dois anos o tempo médio de internação, que era entre 20 a 45 dias, passou para cinco dias. Na foto a equipe do médico cirurgião, Leonardo Comerlatto, durante o procedimento no bloco cirúrgico. Foto: Cristine Rochol/PMPA
Cristine Rochol/PMPA
SMS
Porto Alegre, RS, 28/06/2022. Serviço de cirurgia da pelve (quadril) do Hospital de Pronto Socorro (HPS). Com a constituição da equipe há dois anos o tempo médio de internação, que era entre 20 a 45 dias, passou para cinco dias. Na foto a equipe do médico cirurgião, Leonardo Comerlatto, durante o procedimento no bloco cirúrgico. Foto: Cristine Rochol/PMPA
Cristine Rochol/PMPA
SMS
Porto Alegre, RS, 28/06/2022. Serviço de cirurgia da pelve (quadril) do Hospital de Pronto Socorro (HPS). Com a constituição da equipe há dois anos o tempo médio de internação, que era entre 20 a 45 dias, passou para cinco dias. Na foto a equipe do médico cirurgião, Leonardo Comerlatto, durante o procedimento no bloco cirúrgico. Foto: Cristine Rochol/PMPA
Cristine Rochol/PMPA
SMS
Porto Alegre, RS, 28/06/2022. Serviço de cirurgia da pelve (quadril) do Hospital de Pronto Socorro (HPS). Com a constituição da equipe há dois anos o tempo médio de internação, que era entre 20 a 45 dias, passou para cinco dias. Na foto a equipe do médico cirurgião, Leonardo Comerlatto, durante o procedimento no bloco cirúrgico. Foto: Cristine Rochol/PMPA
Cristine Rochol/PMPA
SMS
Porto Alegre, RS, 28/06/2022. Serviço de cirurgia da pelve (quadril) do Hospital de Pronto Socorro (HPS). Com a constituição da equipe há dois anos o tempo médio de internação, que era entre 20 a 45 dias, passou para cinco dias. Na foto a equipe do médico cirurgião, Leonardo Comerlatto, durante o procedimento no bloco cirúrgico. Foto: Cristine Rochol/PMPA
Cristine Rochol/PMPA
SMS
Porto Alegre, RS, 28/06/2022. Serviço de cirurgia da pelve (quadril) do Hospital de Pronto Socorro (HPS). Com a constituição da equipe há dois anos o tempo médio de internação, que era entre 20 a 45 dias, passou para cinco dias. Na foto a equipe do médico cirurgião, Leonardo Comerlatto, durante o procedimento no bloco cirúrgico. Foto: Cristine Rochol/PMPA
Roxana Nishimura/DVS/SMS
SAÚDE
Porto Alegre, RS, 14/06/2022: Ação da Vigilância de Saúde Ambiental na manhã de hoje, 14, resultou na apreensão de 443 unidades de cigarros eletrônicos e essências para uso nos dispositivos. Fotos: Roxana Nishimura/DVS/SMS